29 de jul de 2011

Cocotte de ricota, tomate e manjericão


Depois da cocotte de abobrinha com hortelã e da cocotte de cogumelo paris com limão e parmesão, estou aqui com mais uma cocotte delicinha! :)

É super simples! Esmigalhei a ricota com ajuda de um garfo e temperei com sal, pimenta-do-reino e noz-moscada (ralados na hora). Daí coloquei na cocotte, a ricota temperada, tomate cortado em cubinho (joguei mais um tiquinho de sal em cima), folhinhas de manjericão e catupiry! Coloquei no forno preaquecido a 180 graus e deixei uns 20 minutos. Tá pronto! Mega prático né! ;)

* Dessa vez eu não coloquei ovo na minha, só na do Ti (ele queria um ovinho na cocotte dele).

Bom fds para todos
Bjs Fe.

27 de jul de 2011

Talharim ao ragu de cogumelos com vinho tinto

O que fazer para os pais do maridão quando eles te visitam? Bom....eu não sei vocês, mas quando vou receber um amigo ou familiar em casa, me preocupo em fazer algo que gostem! Pergunto o gosto de cada um...se não comem algo...enfim.......
Bom....meu sogro e minha sogra vieram nos visitar mês passado e quis fazer um agrado culinário para eles :). Como meu sogro está com algumas restrições alimentares e não tem comido muita carne....pensei, pensei e pensei..... resolvi fazer um cardápio italiano: Bruschettas de tomates e manjericão, uma massa caseira, e de sobremesa uma panna cotta com calda de morango.

Quando pensei em fazer massa, me lembrei do delicioso ragu de cogumelos com vinho tinto que comi uma vez lá na Stef (Com uma pitada de açúcar). Tava decidido, seria talharim com ragu de cogumelos!

Ingredientes:
500g de cogumelos (cogumelos paris, shitake e shimeji)
1 cebola pequena beeem picadinha
1 dente de alho (não usei)
1 colher de sopa de manteiga
1 xícara de vinho tinto seco
sal, pimenta-do-reino e pimenta rosa a gosto
tomilho fresco a gosto

Preparo: Aqueça uma frigideira grande, coloque a manteiga com um fiozinho de azeite e refogue a cebola. Junte os cogumelos (limpos e cortados) e refogue também. Coloque o vinho * e cozinhe até os cogumelos ficarem macios. Tempere com o sal e as pimentas. Por fim, coloque umas folhinhas de tomilho. Pronto! Sirva com o talharim (ou a massa que preferir) e queijo ralado! :D

Ficou tudo uma delícia! Todos gostaram e até elogio da sogra eu ganhei! hehehe

Beijos
Fe. ;)

* Quando vou acrescentar a bebida, eu tiro a frigideira do fogo. Comecei a fazer isso depois que "quase" botei fogo na casa....pois é......manteiga + álcool + fogo podem gerar combustão...kkkk.

obs: Para quem não lembra da massa caseira, a relação é: 100g de farinha de trigo para cada ovo, por pessoa.

25 de jul de 2011

Sopa de couve-flor com cogumelos paris


O dia hoje está liindo!! Segundona com ventinho gelado (tem ventado muito por aqui) e sol!! :D Um dia lindo para começar a semana com tudo!

Já faz um tempão que estava para fazer essa sopa...só que a couve-flor aqui em casa sempre tinha outro destino.... Dessa última vez, comprei uma couve-flor monstro!! Grande mesmo!! Daí deu para fazer todos os pratos possíveis!!hehe

A receita da sopa eu peguei lá Glauzita. E para vocês terem uma ideia de como essa sopa é uma delícia, quando a Glau postou, o título foi "sopa branca incrivelmente boa" - é boa meeesmo!

Sopa de couve-flor - Quitandoca

1 couve-flor (como a minha era graaande, eu só usei uma parte - como se fosse uma couve pequena)
3 batatas médias (usei 3 pequenas)
1 cebola média
2 tabletes de caldo de frango (usei 1 saquinho de caldo em pó)
sal a gosto
1 caixinha de creme de leite (não usei)
Acrescentei um pouco de cogumelo paris fresco, um pouco de pimenta-do-reino e noz-moscada ralada na hora.

Em uma panela grande coloque a couve-flor, as batatas e a cebola ( fiz tudo em pedaços grande). Coloque água e o caldo de frango (tablete, sachê ou caseiro...). Cozinhe até que tudo esteja macio. Retire os legumes e bata no liquidificador com um pouco do caldo (vira um purezão). Na panela, coloque um pouco de azeite e junte os cogumelos (já limpos e fatiados). Coloque um pouco de sal e mexa até ficarem macios. Depois disso, junte o creme de couve-flor batido no liquidificador e coloque mais um pouco de caldo de frango (vai de olho.....mas não coloque muito para a sopa não ficar rala). Acerte o sal, moa um pouco de pimenta a gosto e deixe apurar um pouco. Se for usar creme de leite junte nesse momento também, eu não usei.
Tá pronta!

Para servir coloque um pouco de molho inglês que dá um toque todos especial! Eu uso o molho inglês geralmente em sopa de legumes, em outras sopas eu não coloco, mas como a Glau deu a sugestão, eu provei e realmente combina super bem com essa sopa! ;)

Tenham todos uma boa semana
Beijos Fe.

22 de jul de 2011

Risoto de cogumelo paris e aspargo


Alguém pode me esclarecer uma coisa? O que faz uma pessoa andar a 50km/h numa pista de 70km/h e ainda brecar no radar??? Acho que é minha sina de pegar gente lerda na frente! Não é possível!!!! Mas olhem, esse foi só um pequeno ataque de fúria....nem buzinei pro indivíduo, olha o meu progresso!! Me contive....kkkk. Na oportunidade, passei a pessoa, aumentei meu som (estava ouvindo Simon e Garfunkel, acho que por isso estava mais calma e feliz :) e vim embora pra casa!

Bom, fora isso...meu dia foi ótimo! :D
Para fechar a semana com chave de ouro, mais um risotinho para vocês!
O preparo do risoto eu já coloquei AQUI. Entretanto esse aqui eu fiz um pouquinho diferente: Cortei o cogumelo paris (fresco) e coloquei logo no início do processo (junto com o arroz e a cebola). Quando o arroz estava quase pronto (ainda estava durinho) eu coloquei os aspargos* (fiz um teste de pré-cozer os aspargos no vapor e congelar. Tirei do freezer um pouco antes de começar a fazer o risoto, cortei em 4 partes e juntei no risoto). Fui mexendo e adicionando o caldo de legumes até o fim do cozimento.

Eu queria mesmo testar se o aspargo congelado ia ficar bom. Ficou. Então se você comprar um maço grande de aspargo e não conseguir dar um fim nele, congela! rs Depois você usa para um risoto, ou sopa, ou outro prato quente. :)

Bom fds para tds!
Beijos Fe.

21 de jul de 2011

Sopa picante de brócolis


Gente, eu tô numa onda sopa que vou falar viu!rs
Sopa de disso, sopa daquilo.....ainda tem mais uma pra postar...rsrs
Eu sei que já passei uma sopa de brócolis, mas essa aqui ficou tão show de bola que eu não pude deixar de compartilhar!

Eu tinha o brócolis já cozido no vapor (tinha feito parte dele -do maço- refogado com alho, daí sobrou e fiz uma sopitcha). Não usei o brócolis japonês, usei o outro - eu não sei o nome (que vergonha) mas vocês sabem qual é né?rsrsrs.
No dia que fomos na ceasa (descobri que é "a" ceasa e não "o" ceasa....falei errado um tempão...rs), o Ti perguntou para o rapaz da banca, se não tinha um maço de folhas de brócolis...kkk...achei hilário! Ele ama as folhas do brócolis, por isso, quando faço aqui em casa, faço tuuuudooo! Caule, folhas...tudo é aproveitado! *Só um detalhe: esse brócolis tem que descascar o talinho ok!

Enfim....vamos logo para essa sopa né!
Sem medidas, fiz assim: Em uma panela coloque azeite, cebola picadinha e o brócolis (com as folhas). Dê uma refogada rápida e junte um pouco de tomilho fresco (ou um pouco de orégano). Faça um caldo de legumes a parte. Bata o brócolis com a cebola e o tomilho com um pouco do caldo, no liquidificador (coloque só um pouco do caldo para não ficar mega aguado! * vai ficar tipo um purê). Volte para a panela, coloque um pouco mais de caldo e um pouco de pimenta dedo-de-moça picadinha e sem semente (usei 1). Apure a sopa uns minutos e pronto!
Coloque queijo no fundo do prato (usei muçarela) e jogue a sopa por cima.
Coloquei mais umas pimentinhas para decorar! Ficou "diliça" viu!

Faz aí e me conta como ficou! :)

Beijos Fe.

20 de jul de 2011

Algumas sugestões para fazer com (ou para) as crianças :)

Eu não tenho filhos ainda......mas para as mamães com filhos em férias, deixo algumas sugestões:

Se seu filho, ou filha, gosta de ajudar na cozinha, aproveite e prepare uns biscoitinhos, muffins, cupcakes....
Ou então, chame uns amiguinhos e prepare você um lanchinho bacana para a criançada!
Separe uns jogos, desenhos....faça a brincadeira que preferir e deixe as crianças curtirem!

No blog Mamãe Moderna, tem umas dicas mega bacanas para curtir com a molecada! Até massinha de modelar caseira tem lá! :) Vale dar uma passada lá e conferir todas as dicas!


Para a comilança, algumas sugestões:
Muffins de maçã com canela
Cupcake de cenoura
Cupcake de chocolate mega bom
Bolo toalha felpuda
Bolo de chocolate com brigadeiro e marshmallow
Chocolate quente
Panquecas de banana
Coxinha
Dedinhos com chocolate
Bolachas -delícia- de mel
Biscoitinhos 1 2 3 (eu viciei nesses! sempre faço!)

Bom gente é isso!
Essas são apenas algumas sugestões....o importante é curtir - sem stress! :D
Bjs Fe.

Bolo de cenoura


Esse bolo de cenoura eu já faço a um tempão. É super simples de fazer e bem gostoso!
O Ti adora, e outro dia disse que fazia muito tempo que eu não fazia...(é verdade). Tinha umas cenouras, então....

Bolo de cenoura:
3 cenouras raladas (se forem muito pequenas, use 4)
1 xícara de chá de óleo
2 1/2 xícaras de chá de açúcar
2 1/2 xícaras farinha de trigo
4 ovos
1 colher de sopa de fermento em pó

Preparo: Bata o óleo, as cenouras, os ovos e o açúcar no liquidificador. Depois de bem batido, passe a mistura para uma tigela e misture a farinha e por fim, o fermento. Eu já fiz batendo tudo no "liqui", mas acho que força muito, então deixo a farinha para mistura na mão.
Coloque a massa em forma untada e enfarinhada e leve para assar em forno preaquecido.

A cobertura eu já fiz: de brigadeiro, ganache, creme de leite com chocolate em pó, já deixei sem nada....mas, na maioria das vezes eu fiz essa:
1 colher de manteiga ou margarina
1 xícara de açúcar
4 colheres de sopa de achocolatado
2 colheres de sopa de leite

19 de jul de 2011

Cookies de aveia e passas da vó Guara

Matar a saudade da comida das minhas avós, é uma das melhores coisas que eu aproveito quando vou ver minha família. Nada mega elaborado, é a comida honesta do dia-a-dia que eu amo de paixão: arroz com feijão, macarrão com molho caseiro, bife "esfumaçado"..rs.......até um simples sanduíche de queijo muçarela parece mais saboroso.

Outro dia, conversando com meu pai, falamos sobre isso. Ele disse que o melhor bife acebolado que eu comeu na vida, era da avó dele, minha "bisa" Rosa. A conversa foi fluindo....Conclusão: a nossa lembrança de um prato mais gostoso, está muito associada ao momento e as pessoas...Provavelmente há outros bifes acebolados maravilhosos por aí.....mas o momento, o sabor, os aspectos externos (o lugar), a presença da pessoa, o carinho envolvido no preparo, fizeram uma diferença na memória gustativa do meu pai..rs. Quer uma prova? Tente você aí na sua casa, fazer uma receita da sua avó? Ou de uma tia... Nunca sai igual! Pode sair boa, ficar uma delícia e ser aprovada por todos, mas igualzinha é difícil.... Fazer o que né...é a vida. :)


Bom...a receita desses cookies, não é uma receita tradicional de família... Mas minha avó os prepara com o maior carinho do mundo! E desde que de ela começou a fazer, todo mundo gostou! É um sucesso e agrada a todos! É uma receita da Yoki, que minha avó adaptou para uma versão diet.



**Eu tenho um certo problema em adaptar receitas para diet....nunca ficava igual e quase nada doce....(tá, eu sei que não vai ficar como açúcar, mas um pouco doce tem que ficar né gente....) Enfim...só sei que esse adoçante é uma beleza! Os cookies ficaram uma delícia e doces como se tivessem sido feitos com açúcar.


Cookies de aveia e passas (feitos pela vó Guara)

2 xícaras de chá de aveia em flocos
1 1/2 xícara de chá de farinha de trigo (peneirada)
1 1/2 xícara de chá de açúcar (minha avó usa adocante - veja a conversão de medidas da marca que você usar. Tem marcas que a medida é a mesma, outras vão mais adoçante, outras menos....)
1 colher de chá de fermento
200g de margarina (minha avó usou Becel)
2 ovos
1 colher de café de essência de baunilha
1 xícara de passas (minha avó mistura só um pouco na massa, ela gosta de colocar as passas em cima das bolinhas de massa)


Preparo:

Em uma tigela, misture a farinha, o açúcar (ou adoçante), aveia e fermento. Faça um buraco no meio dessa "farofa" e coloque os ovos, a essência, e a margarina. Misture tudo com uma espátula e por fim misture um pouco das passas.

Faça as bolinhas com auxílio de duas colheres de sopa (ou sobremesa)* e coloque em assadeiras untadas e enfarinhadas.
Leve para assar em forno médio (180 graus), preaquecido, por aproximadamente 25 minutos, ou até ficarem douradinhos.

*o tamanho dos cookies pode variar. Minha vó fez com colher de sopa e rendeu 30 unidades (tamanho das fotos). Se você fizer com colher de sobremesa, rende 60"cookiezinhos"

Beijos
Fe.

# Outras receitas de cookies: aqui e aqui

18 de jul de 2011

Espaguete ao pesto trapanese

Oiiiii gente!!!! Vamos começar essa semana com uma massa mega boa!? Rápido e simples de fazer e um prazer na hora de comer!
A receita eu peguei mais uma vez lá na Stef (Com uma pitada de açúcar).
A Stef é uma fofa e cozinha maravilhosamente bem! Assim que ela postou a massa com esse pesto eu babei!Fiz no mesmo dia! Além de ser uma delícia, é uma ótima pedida para quem está com pouco tempo para preparar uma refeição! :)
Fiz umas mudanças e saiu assim:

Espaguete ao pesto trapanese
Para o pesto:
1 dente de alho, pequeno, descascado
um punhado de folhas de manjericão fresco
uma pimenta vermelha sem sementes (a Stef usou seca, como tinha fresca, usei fresca)
200g de tomates maduros picados (tirei a pele)
75ml de azeite de oliva
75g de amêndoas moídas (eu tinha castanha de caju, então usei castanha de caju. Não sei se isso descaracteriza o pesto trapanese...rs..fiz um trapanese brasileiro..rs)
sal a gosto

Preparo:
Prepare o espaguete (ou outra massa que você gostar). Enquanto isso faça o pesto: Coloque os tomates, manjericão, alho e a pimenta no processdor de alimentos. Processe tudo :) - eu deixei só um pouco para ficar com pedacinhos. Retire do processador e passe para uma tigela funda, junte as castanhas e o azeite. Assim que a massa estiver pronta, escorra e misture ao pesto.
Sirva com um punhado de queijo (usei parmesão) e folhas de manjericão.

Boa semana moçada!
Bjs Fe.

16 de jul de 2011

Não podia deixar de ir...

Um lugar bacanérrimo! O famoso restaurante "Como Água para Chocolate" é sem dúvida um restaurante ótimo! Bom atendimento , ambiente agradável e ótima comida! Pedimos um congrio com creme de espinafre - maravilhoso! Super recomendo ;)
Essa aqui é a vista do restaurante Giratório. Eu vi diversas opiniões sobre o restaurante - casos de amor à ódio...rsrs....fomos para tirar nossas próprias conclusões. Particularmente eu achei +/- Pagamos caro e a comida não era tuuudo aquilo (comparado aos outros restaurantes que fomos lá...).
Um restaurante bem legal, bom e com preço justo, foi o restaurante indiano do hotel que ficamos (Majestic). A comida estava uma delícia e o atendimento muito bom! Recomendo!
O mais importante quando você estiver fora, ou melhor, em qualquer restaurante que você for, é pedir a opinião do garçom sobre o prato que mais sai na casa.... Ou mesmo a opinião de quem já conhece :)
Eu vejo que muitas pessoas criticam um determinado local mas porque foram infelizes na escolha do prato (tipo: ir à uma cantina italiana e pedir sushi....rs)...vamos combinar né....

Por fim, mas não menos importante - pelo contrário- Valle Nevado:
Para ser bem sincera, nós nem íamos....Como não era temporada, não estávamos a fim de pagar o passeio pra ver montanha (que eu já tinha visto e muito né...rs). Maaassss, para nossa felicidade, começou a nevar no Valle! Marcamos com o guia e fomos lá no nosso último dia. Essa é uma das vistas da nossa subida (são 90 curvas!)

Quando chegamos, a montanha estava assim: pedras com partes de neve....Noooosssaa...para mim, que nuunca tinha visto a neve...foi mega emocionante!! Estava nevando e era lindo ver e sentir os floquinhos caindo!! :) Eu já estava super feliz!
A neve começou a aumentar e o frio também. Entramos no restaurante do hotel e pedimos um chá e uma torta de limão com framboesas (tava uma delícia!). Ficamos admirando a neve pela janela, curtindo o frio.....
Quando saímos.... já estava tuuudo coberto de neve!! Tudo lindamente branquinho!!! Fiz uma bolinha de neve - lógico- e depois fomo embora pois não era esperado nevar tanto e nosso carro não estava preparado.....

Pois é gente.....a volta foi um grande susto! Até nosso guia estava tenso! A pista estava coberta de neve e derrapamos 3 vezes! Ficamos todos com o ** na mão. Mas no fim, deu tudo certo!! Saí viva para contar a história!!
Bom gente é isso!
A viagem foi ótima!!! Amei tuudo!!!!

Santiago


Oi gente! Aqui está o post da nossa ida para Santiago! (finalmente...rs) :D
Em Santiago, andamos muito a pé e de metrô. Passamos por várias praças, parques....visitamos a catedral, o Museo Chileno de Arte Pré-Colombino, Museo Histórico Nacional, La Chascona - Casa Museo Pablo Neruda, Morro de São Cristóvão......
Adorei muuuito conhecer os museus!! Muito mesmo!
Para apreciar a vista do morro de São Cristóvão, pegamos o Funicular e subimos (Fomos caminhando do nosso hotel (perto da Praça das Armas) até lá - uma pernada boooouuuaaa...nem ia rolar subir o morro né...rs). Nesse mesmo dia, aproveitamos para ver o museu do Neruda (que é bem legal!)
Vista do morro...
Além de passear por Santiago, fomos também para Valparaíso e Viña Del Mar (Viña é muito linda!! Adorei!)

Leões marinhos ....

7 de jul de 2011

Aspargos com ovos


Estou precisando manerar na comida...rs (a guerra de sempre)...Aqui em casa estamos diminuindo as carnes (e nem tô sentindo falta). Confesso que não sou radical, gosto de comer e como de tudo, só tô reduzindo a quantidade de comida no prato. Além disso, estou retomando minha atividade física regular (ainda não tá tããão regular... mas vai ficar). Tenho feito caminhadas - e antes que alguém venha me perguntar porque eu não corro: eu sou péssima na corrida! Sabe aquele episódio de Friends, que a Rachel vai correr com a Phoebe no central park? Preciso falar mais alguma coisa?rsrs....Fora isso, tenho um joelho meio bichado também...enfim...

Fazendo opção por menos carnes, estamos adaptando um pouco o cardápido aqui de casa. Noite dessas, fiz esses aspargos com ovos e uma sopinha. O Ti comeu os dois, mas eu fiquei só nos aspargos mesmo...rs.

Tirei a ideia da Fer do Chucrute com Salsicha:

Cozinhei uns aspargos (fiz no vapor- é rapidão viu!) e coloquei no prato. Por cima, coloquei um ovo cozido picadinho, reguei um pouco de azeite, temperei com sal e pimenta-do-reino, e por fim joguei umas folhinhas de manjericão fresco! Tá pronto!
A Fer colocou algumas alcaparras e aliche picadinho, mas eu não tinha....

Ficou muito bom! ;)
Eu ainda peguei uma fatia de pão de forma - porque não sou de ferro...kkkk.

Tenham todos um ótimo dia
Bjs Fe.

5 de jul de 2011

Biscoitinhos amanteigados de lavanda e raspas de limão


Aqui em casa sempre tem um biscoitinho. Geralmente os amanteigados são mais frequentes - são estratégicos para servir acompanhados de um cafezinho. Seja para você, para o marido, irmã, amiga.....cai super bem.
Aproveitei que ganhei a lavanda da fofa da Glau, e fui atrás de uma receita nova de biscoitinho. Não tive nem dúvida de onde procurar! Fui lá para cozinha da Tina, ôôô Trem Bom...rs, e peguei a receita.
A receita original era com raspa de limão e erva-doce...mas ela dá outras sugestões para o mesmo amanteigado.....fui de lavanda.


Ingredientes:
50g de açúcar
100g de manteiga, sem sal, em temperatura ambiente
150g de farinha de trigo
uma pitada de sal
Raspa de 1 limão
½ colher de chá lavanda


Preparo:

1. Coloque a manteiga e o açúcar numa tigela e bata bem, até formar uma mistura esbranquecida e "fofa".

2. Peneire a farinha de trigo e uma pitada de sal. Junte à mistura de manteiga e mexa tudo com uma espátula.

3. Por fim acrescente a lavanda e raspas de limão, e incorpore delicadamente.

4. Faça uma bola achatada, e envolva com plástico PVC e leve à geladeira por 2 horas (deixei 1 hora e 1/2).

5. Preaqueça o forno a 170 graus. Forre uma assadeira com papel manteiga. Abra a massa em uma superfície enfarinhada. Use plástico PVC para cobrir a massa e abra com um rolo. (a massa ficou muito dura, então quebrei em 3 partes, amassei um pouco com as mãos e só então abri com o rolo).

6. Corte os biscoitos com o cortador que preferir (eu segui a Tina e fiz os biscoitinhos pequenos - usei um bico de confeitar para cortar).*

7. Asse por uns 15 minutos, ou até que os biscoitos fiquem dourados. Retire do forno e deixe esfriar. Guarde em potes fechado.


*Segui a sugestão da Tina e fiz alguns biscoitinhos polvilhados com açúcar cristal. Fiz só uma assadeira, nas demais fiz sem nada. Prefiro sem açúcar por cima. :)

É isso gente. Bora pra cozinha fazer biscoitinhos? :)
Bjs Fe.

4 de jul de 2011

Caldo verde


Aqui em casa nós adoramos um bom caldinho verde. Já fiz várias vezes, e cada vez sai de um jeito. :)
Tem vez que coloco menos batata, outras vezes mais, e algumas vezes deixo uns pedacinhos de batata....Algumas vezes, faço com bacon, outras com calabresa, outras sem um ou outro....
Caldo verde pra mim é meio "sem receita"....vai do que tem e da inspiração. :)

Dessa vez não foi diferente....comprei um maço de couve, usei um pouco da couve para fazer uma saladinha (adoro salada de couve!) e o restante para fazer um caldinho.

Dessa vez fiz +/- assim: cortei 1/2 linguiça calabresa em rodelas e depois cortei as rodelas em 4 partes. Coloquei em uma panela de fundo grosso e deixei fritar (sem óleo...). Bati 2 batatas pequenas, já cozidas, com um pouco de água e um pouco de couve (bem pouquinho) no liquidificador. Juntei esse líquido na panela com a calabresa, coloquei um caldo de bacon (usei um saquinho) e deixei apurar um pouco.
Acertei o sal e moí um pouco de pimenta-do-reino. Coloquei também, uma pimenta dedo-de-moça, sem sementes, picadinha. Desliguei o fogo e coloquei a couve fatiadinha. Tampei a panela e deixei um pouquinho (tempo de colocar a mesa....rs).



Servi com pedaços de piadina. A receita está AQUI. Eu adoro piadina, acho uma massa super versátil. Já fiz recheada, aberta "estilo pizza", já até me meti a adaptar a massa e fazer como aperitivo (servi como canapés com creme de queijo e pasta de azeitonas).

3 de jul de 2011

Bijoux


Vício, vício, vício.....não rolou comer apenas um! Demorei um pouco para acertar os bijoux....as duas primeiras fornadas foram praticamente testes, mas as outras ficaram supimpas!
Tirei essa receitinha boa, da última edição da revista "Casa e Comida" - n. 11.



A receita é de Enrico Garrone.
Aproveita a inspiração culinária dessa semana e faz esses biscoitinhos! :)



Ingredientes
(rende 80 unidades)

-150g de margarina (usei manteiga sem sal, em temperatura ambiente)
-185g de farinha de trigo -dá aproximadamente 3/4 de xícara de chá
-1 pitada de sal
-5 ovos (tirei a pele das gemas)
-3 gotas de essência de baunilha (usei uma colher de café)
-1g de canela em pó (1/2 colher de café)
-150g de açúcar cristal
-300ml de água

Preparo:
1. Preaqueça o forno a 170 graus. Peneire a farinha junto com a canela e reserve.
2. Numa panela, coloque a água junto com a manteiga e o sal e leve ao fogo até ferver.
3. Junte a farinha com a canela de uma vez na água fervente, e mexa com uma colher de pau sem parar até começar a formar uma bola e parar de grudar no fundo da panela.
4. Tranfira a massa para uma batedeira e bata em velocidade máxima (com a pá raquete) * eu tenho uma batederia comum.....fui com ela mesmo...
Com a massa morna, acrescente os ovos e bata em velocidade baixa até obter uma massa lisa e com brilho. Acrescente a essência de baunilha no final.
5. Em uma assadeira coberta com papel-manteiga, pingue a massa no formato de rosquinha (eu fiz fornadas em "C" e em "I") com ajuda de um saco de confeitar. Deixe espaço entre elas.
6. Polvilhe açúcar cristal nos biscoitos e leve para assar por aproximadamente 20 minutos.
* Como vocês viram, não vai açúcar na massa, o doce do biscoito fica por conta do açúcar cristal polvilhado por cima. Vai então do seu gosto, mais ou menos doce. Na minha opinão, os que eu coloquei pouco açúcar, não ficaram tão saborosos...na verdade ficou uma massa de canela levemente adocicada. Nas demais fornadas, eu fui mais generosa na quantidade de açúcar nos biscoitos, gostei mais. ;)

Eu adorei esses bijoux! São biscoitinhos com canela, docinhos, macios, ocos e com casquinhas de açúcar. Uma delícia!

Tenham todos uma boa semana
Beijos Fe. :)

1 de jul de 2011

Bolo de chocolate sem farinha

Já fazia um tempããão que eu estava querendo preparar esse bolo! Curiosíssima para saber como ia ficar - textura, sabor....enfim...
Essa semana botei a mão na massa e aqui está o resultado: Um bolo com cara de bolo, com gosto de bolo (não tão doce) e cheiro de bolo! rs

A receita é super simples, eu peguei no site da Pat Feldman, o "Crianças na cozinha".


Ingredientes:
7 ovos
7 colheres de sopa de cacau puro em pó (sem açúcar)
5 colheres de sopa de melado de cana*
100g de coco ralado
2 colheres de sopa de manteiga (ou óleo de coco - sugestão da Pat)
1 colher de sopa cheia de fermento em pó

Preparo:
Bata todos os ingredientes no liquidificador (eu deixei o fermento de fora. Depois de tudo já batido, aí sim coloquei o fermento e bati só um pouco para agregar à massa). Coloque a massa em uma assadeira untada e enfarinhada (usei uma redonda de 25cm de diâmetro), e leve para assar em forno preaquecido a 180 graus, por uns 25 minutos.


Esse bolo não é muito doce. Tem até aquele gostinho de chocolate amargo no fim. Como vocês podem ver, eu até polvilhei um pouco de açúcar de confeiteiro por cima - pra agradar o marido né! ;)
Outra dica para servir (que eu achei óóteeema! "Boua" mesmo!), é servir com um coulis de frutas vermelhas (sabe o coulis do suflê de chocolate? Pois é...esse mesmo!). Combinou super bem com esse bolo! Bati uns morangos (sem açúcar), também ficou super bom!

Mais uma dica: aqui em Brasília, deixar um bolo fora da geladeira, é pedir para estragar... Então eu guardei o bolo na geladeira, mas como eu não gosto de bolo gelado (com exceção do "bolo gelado"). Quando ia pegar um pedaço, eu dava uma aquecidinha no micro. :)

Tenham todos um ótimo fim de semana!
Beijos Fe.

*Você encontra melado de cana no mercado ok!